Barueri bate o Fluminense e garante antecipação aos playoffs

0

Time do técnico José Roberto Guimarães triunfa por 3 sets a 1, chega aos 32 pontos e se classifica com quatro rodadas de antecedência para o fim da primeira fase da Superliga

Depois de Sesc/RJ, Praia Clube, Osasco e Minas, o Barueri é mais um classificado aos playoffs da Superliga Feminina. Nesta sexta, o time comandado por José Roberto Guimarães derrotou o Fluminense por 3 sets a 1 (parciais de 25/21, 23/25, 25/17 e 25/14), chegando a 32 pontos, pontuação que já o garante no mata-mata mesmo a quatro rodadas para o fim da primeira fase. Com a derrota, o Tricolor das Laranjeiras segue em sexto, uma posição abaixo do rival desta noite e com 26 pontos. Na próxima rodada, o Barueri pega o Brasília, fora de casa. O duelo será quarta-feira, às 20h. Já o Flu encara o Valinhos no mesmo dia e hora no ginásio da Habraica, no Rio.

O Fluminense começou melhor, abrindo 3 a 0. O Barueri só foi pontuar pela primeira vez, quando Giovana errou um saque. O time da casa não demorou para virar. Num ace de Jaqueline, as paulistas fizeram 4 a 3. Quando o Barueri ampliou para 10 a 6, o técnico tricolor Hylmer Dias parou o jogo pela primeira vez. Com a veterana Renatinha bem na rede, o Fluminense ensaiou uma reação. Só que o time da casa estava em noite inspirada. Em bloqueio de Lloyd em Michelle, o Barueri fez 19 a 14, ficando perto da vitória no set. Sem forças para reagir, o Tricolor viu o rival fechar a parcial em 25 a 21, com Skowronska marcando os pontos decisivos.

O início do segundo set foi exatamente o oposto do primeiro. Mais preciso, o Barueri abriu 3 a 0. Aos poucos, o Fluminense foi reagindo. Comandado por Michelle e Clarisse, o Tricolor encostou no placar, ao diminuir para 6 a 5. O jogo ficou lá e cá nos minutos seguintes. Ao ganhar uma disputa na rede de Renatinha, Lloyd marcou 10 a 8 para o Barueri. O Fluminense conseguiu a virada minutos depois com Giovana: 13 a 12. Num bloqueio de Letícia Hage, o Flu fez 20 a 18, deixando Zé Roberto preocupado no banco de reservas. O ponto foi um prenúncio do que viria minutos depois, pois Renatinha colocou a bola no chão, fechando em 25 a 23.

Mordido, o Barueri voltou para a quadra abrindo 5 a 2 no terceiro set. Numa bola na rede de Michelle, o time da casa fez 8 a 5, mantendo a vantagem de três pontos. Na sequência, Skowronska pontuou novamente para as paulistas, obrigando Hylmer Dias a parar o jogo. Inspirada, a polonesa soltou o braço minutos depois, marcando 13 a 9. O Fluminense não se entregou e foi buscar nova reação. Num toque na rede de Francynne, o Tricolor ficou a dois pontos do empate: 17 a 15. A partir de então, Fê Ísis passou a puxar o jogo para si, conduzindo o Barueri à vitória no set. Numa bola de meio, ela conseguiu o primeiro set point: 24 a 17. Pouco depois, Suelle atacou na diagonal e definiu em 25 a 17.

O início do quarto set foi equilibrado, com os times se alternando no placar até o quinto ponto. Numa diagonal de Francynne, o Barueri fez 6 a 4, criando confiança para chegar a 9 a 6. Só que o Flu reagiu, empatando em 9 a 9 – Lara Nobre anotou o nono ponto do Tricolor. Percebendo que era o momento de cobrar as suas jogadoras, Zé Roberto pediu tempo na metade do set, fazendo alterações na sua equipe. O break surtiu efeito, pois o time paulista passou a dominar amplamente. Numa bola pela esquerda do ataque, Jaqueline conseguiu o primeiro match point: 24 a 14. O ponto da vitória foi obtido por Saraelen num bloqueio.

Sesc/RJ supera o Brasília no Rio
No ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio, o Sesc/RJ derrotou o Brasília por 3 sets a 0 (25/21, 25/20 e 25/21). O destaque do jogo foi a líbero Fabi, vencedora do troféu Viva Vôlei. Apesar da vitória, a experiente jogadora reconheceu que a equipe carioca poderia ter rendido mais

Cumprimos o objetivo que era vencer em casa, por 3 a 0, mas saímos com o gostinho de que poderíamos ter jogado melhor. Agora, vamos para o jogo contra o Bauru, na semana que vem, que será uma partida difícil também – comentou.

FICHA TÉCNICA DO JOGO

Barueri: Lloyd, Francynne, Erika, Jaqueline, Fê Ísis e Skowronska. Líbero: Dani Terra. Reservas: Nathaina, Edinara, Ana Cristina, Saraelen, Suelle, Naiane e Sara. Técnico: José Roberto Guimarães.

Fluminense: Thaisinha, Letícia Hage, Renatinha, Giovana, Lara e Michelle. Líbero: Sassá. Reservas: Clarisse, Rafaela, Ariane, Carol, Sanabid, Larissa e Fernanda. Técnico: Hylmer Dias.

PRÓXIMA PARTIDA

Barueri x Bauru, dia 16/02 (sexta-feira) às 19h30 no Ginásio de Esportes José Corrêa – Barueri
Com entrada gratuíta e estacionamento gratuito no local.

Foto: Gaspar Nobrega/Inovafoto e demais fotos divulgação

#jornalrmsp #esporte #hinodebarueri #superliga #volei #barueri2

Compartilhar:

Sobre o autor

Deixe um comentário