Economia Circular é tema de seminário na Universidade do Hambúrguer

0

Na quinta-feira (dia 10), às 9h30, na Universidade do Hambúrguer, em Alphaville, ocorreu o seminário de Economia Circular. A modalidade trata de forma mais eficiente a reciclagem em escala global, onde prevalece o aproveitamento e minimiza o desperdício dos materiais.

O biólogo e secretário de Recursos Naturais e Meio Ambiente de Barueri, Marco Antônio de Oliveira (Bidu), participou da abertura do evento. “Sustentabilidade é uma palavra tão fácil e, ao mesmo tempo, tão difícil de fazer. Trata-se do progresso da cidade, do trabalho social e também do meio ambiente. Temos que tratar essa tríade de uma forma harmoniosa, pois através do meio ambiente nós cuidamos da saúde e da educação”, comentou.

Ele relatou que quatro lojas da rede McDonald’s em Barueri reciclam o seu lixo, o que é muito positivo para a parceria com a Cooperyara, que conta com mais de 60 pessoas na separação de recicláveis. “Mesmo a cidade contando com coleta seletiva em todo o território, os cooperados recebiam apenas R$ 200 por mês. Reformulamos o trabalho e hoje eles conseguem receber aproximadamente entre R$ 1.700 e R$ 1.800”, destacou o biólogo.

O evento ainda contou com a presença da professora de Economia Circular da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (Portugal), a catedrática Patrícia Berardi.  Ela informou como funciona este tipo de economia, sua importância na agenda mundial e como a Europa e, mais especificamente, a cidade do Porto tratam essa questão.

No final do seminário, representantes de empresas e da esfera pública explicaram suas ações e os desafios nesse quesito e a professora reforçou que o trabalho é longo. “Não podemos desistir de executá-lo.”

#jornalrmsp #brasil #sema #cidades #barueri #rubensfurlan #furlan #soniafurlan #cidadeinteligente #brunafurlan #bidu #economiacircular #cooperyara #mcdonalds

Compartilhar:

Sobre o autor

Deixe um comentário